Carregando...

NÍQUEL DURO-QUÍMICO

Mais resistência a abrasão e corrosão

O Níquel Duro químico é um revestimento especial que não requer corrente elétrica, retificadores ou ânodos para aplicação. A deposição da liga acontece através da reação química ou autocatalítica entre os agentes dissolvidos (Sulfato de Níquel + Hipofosfito de Sódio) em solução aquosa, quando a peça é imersa nesta solução após pré-tratamento apropriado ,todas as suas superfícies são revestidas com camadas totalmente uniformes da liga de níquel-fósforo, independente de seu formato geométrico.

Propriedades da camada

Níquel Duro Químico

Tipos de Níquel Duro-Químico

SFB [2 a 4% de P]

Banho que proporciona depósitos superiores à 60 rockwell, com valores aproximados ao do cromo duro, com a vantagem na uniformidade da camada em peças complexas. O níquel baixo teor de fósforo oferece excelente resistência à corrosão para condições alcalinas.

SFM: [Brilhante de alta velocidade 5-9% de P]

Mais indicado para peças que serão submetidas a desgaste, tem melhor desempenho em condições abrasivas. Peças revestidas com níquel químico médio teor de fósforo têm performance similar à do aço inox, alto brilho e dureza de 45 rockwell [que pode ser aumentada para 68 rockwell quando submetida a tratamento térmico].

SFA [9-13% P]

Acabamento que proporciona a máxima resistência à corrosão. O níquel alto fósforo é o padrão nas indústrias que requerem proteção para ambientes altamente corrosivos e ácidos. Com alto grau de solderabilidade, permanecendo por longos períodos, é amplamente empregado nas indústrias automobilística e de petróleo e gás. No teste de névoa salina (salt spray) ultrapassa 1500 horas de ensaio.

Especificações técnicas

Tabela de especificações do produto.

Download